Espaço Livre

Enquanto linhas bairro-centro perdem ônibus, roteiros com partida da Estação Pirajá ganham reforço

Idealizado para ser um hub de ligação entre os populosos bairros da região do miolo e de Pirajá, a Estação Pirajá tem tido sua frota reforçada nos últimos meses. Apenas nos roteiros que partem do terminal houve um acréscimo de 29 coletivos. O funcionamento pleno da linha 1 do metrô (LAPA – PIRAJÁ) é considerado um dos maiores motivadores das mudanças.

Se por um lado as linhas com partida da Estação Pirajá tiveram as suas frotas reforçadas, muitos roteiros diretos entre os populosos bairros do miolo e o centro da cidade estão sofrendo com a diminuição de frota ou com a extinção de linhas. No bairro de Castelo Branco, por exemplo, haviam 33 ônibus operando itinerários até a Estação da Lapa, Terminal da Barroquinha, Campo Grande e Pituba, hoje são 28 coletivos.

img_8050

O destino que perdeu mais ônibus com partida da região administrativa do Pau da Lima é a Estação da Lapa. Hoje são 54 coletivos ante os 61 de outubro de 2016. Único destino da região a ganhar ônibus foi o Campo Grande, hoje são 26 coletivos contra 23 do ano passado.

Enquanto isto roteiros da Estação Pirajá com destino ao CAB, Cajazeiras 6-7, Barroquinha, Águas Claras, Fazenda Grande 1-2, Barra 1, Barra 2, Barra 3, Ribeira, Fazenda Grande 3-2, Fazenda Grande 2-3, Itapuã, Coração de Maria, Nova Brasília – Jardim Nova Esperança tiveram o reforço de 29 coletivos. O objetivo é estimular o transbordo, a integração com o metrô ou o uso mais intenso das integrações através do Salvador Card.

Confira levantamento feito pela equipe do Portal Transporte Em Debate

021217_2344_anlisetedo5

021217_2344_anlisetedo4

Anúncios
Espaço Livre

Mudanças tiram 20 ônibus de Cajazeiras

Extinção de linhas, diminuição da frota em linhas diretas a Estação da Lapa e o reforço dos roteiros destinados a Estação Pirajá. Em um ano a dinâmica dos deslocamentos para quem reside nos bairros localizados em Cajazeiras tem sofrido constantes modificações. Quem chegava ao centro da cidade em um único ônibus, agora se vê levado a utilizar as integrações ofertadas pelo metrô e Salvador Card.

lapa

Uma das mais perceptíveis mudanças foi a diminuição da oferta de ônibus diretos a Estação da Lapa. Em 2016 eram 71 veículos, enquanto neste ano a oferta total é de 43 coletivos. Com isto a espera por um ônibus direto cresceu. A espera por uma dessas linhas pode ultrapassar 2 horas.

piraja

Se para a Estação da Lapa a frota foi diminuída, para a Estação Pirajá houve o reforço de aproximadamente 19 veículos. A principal ideia é deixar a integração ônibus / metrô mais atrativa, diminuindo a oferta de coletivos diretos ao centro.

img_5838

Com a ampliação da oferta de veículos para o Terminal de Pirajá, algumas linhas tiveram os intervalos entre coletivos encurtados. Cada linha recebeu de 1 a 3 veículos extras, enquanto algumas linhas diretas a Estação da Lapa tiveram a frota diminuída para até 1 veículo.

img_8031

Em meio a estas mudanças uma linha foi extinta, linhas com roteiros não concorrentes ou complementares ao metrô tiveram a frota diminuída enquanto outras foram reforçadas como o caso das linhas Pituba com partida do bairro de Boca da Mata e da Fazenda Grande 4.

img_8033

Levantamento feito pela equipe do Portal Transporte Em Debate, aponta que a frota total de ônibus em Cajazeiras sofreu o decréscimo de aproximadamente 20 ônibus. Em 2016 operavam 218 ônibus, enquanto em 2017 são 198 coletivos. Todos os dados levam em consideração a operação das linhas da região fora do período das férias escolares.

Confira aqui todos os dados do levantamento: relatorio

Notícias

Ônibus que integram com o metrô são identificados por adesivo

A integração dos coletivos de Salvador com o sistema metroviário já esta acontecendo, porém não beneficia todas as linhas. Por isso o passageiro deverá prestar muita atenção com o adesivo instalado no para-brisa dianteiro de todos os ônibus que fazem parte do serviço. Os adesivos ‘Integração Metrô’ identificam se o ônibus aceita o cartão de integração ônibus/metrô, disponibilizado pela empresa concessionária do metrô de Salvador, a CCR. Gradativamente novas linhas deverão integradas ao sistema metroviário e é esperado para ainda este ano um redesenho dos atuais roteiros.

Notícias

Tarifa de ônibus em Salvador sofre reajuste e passa ser cobrado 3,30

Renovação da frota e adequação dos veículos remanescentes para o novo padrão, são algumas das exigências da prefeitura para as empresas do Integra.
Renovação da frota e adequação dos veículos remanescentes para o novo padrão, são algumas das exigências da prefeitura para as empresas do Integra.

A partir da meia-noite deste sábado, a tarifa de ônibus urbano em Salvador sofre reajuste e passam a ser cobrados do cidadão 3 reais e 30 centavos. O índice de reajuste esta na casa dos 10% e levou em consideração o IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo). Quando realizada em meados de 2014, o edital de licitação das linhas urbanas da capital baiana previa para as vencedoras que reajustes ocorreriam anualmente nos primeiros anos de contrato. O sistema que foi batizado de Integra, reúne as empresas Plataforma, Salvador Norte e OT Trans, prevê a adequação da frota vigente para os padrões exigidos pela prefeitura em edital e a troca de todos os veículos sem acessibilidade por coletivos equipados com elevador para deficientes físicos. A prefeitura promete um redesenho de linhas que deve começar a ganhar forma com o funcionamento pleno da linha 1 do Metrô.

Espaço Livre

OT TRANS: Em 1 ano 299 novos ônibus

Operando 183 linhas da Bacia B, a Ótima Salvador Transportes conhecida como OT Trans, trouxe 299 novos coletivos em 2015. Foram 179 ônibus com carroceria Caio Induscar Apache Vip 4 nas motorizações Mercedes-Benz OF1721 Bluetec5 (139 unidades) e Man-Volksbus 17-230 OD Automatizado (40 unidades), no início de suas operações mais 120 ônibus com a carroceria Comil Svelto 2012 na motorização Mercedes-Benz OF1721 Bluetec5. Quase todos os coletivos equipados com 2 portas foram extintos na empresa, restando 41 unidades que se encontram na frota de apoio da empresa e fixo em algumas linhas de considerada baixa demanda. Maior parte de sua frota já foi adequada para o novo padrão e até abril de 2016 todos os ônibus da empresa ostentarão a pintura padrão verde.

Confiram nas galerias os coletivos trazidos pela OT Trans em 2015:

179 CAIO APACHE VIP 4 MERCEDES-BENZ OF1721 e MAN-VOLKSBUS 17-230:

120 COMIL SVELTO MERCEDES-BENZ OF1721

No que se refere a adaptação da frota remanescente de suas formadoras, a OT TRANS já adaptou para o novo padrão todos os veículos fabricados em 2014, e a maior parte dos veículos fabricados nos anos de 2013 (restando poucas unidades), 2012, 2011, 2010 e 2009. Confiram em nossa galeria:

Notícias

Integração com o metrô e nova tarifa ocorrerão no primeiro dia útil de 2016

IMG_3411

O primeiro dia útil de 2016 será marcado pelo reajuste da passagem de ônibus em 10%, elevando a tarifa para 3,30 e o início da operação comercial do metrô de Salvador. Com isto 10 linhas de ônibus da capital baiana e outras 3 da região metropolitana, terão seus roteiros modificados e passarão a alimentar o sistema metroviário da linha 1. O passageiro que embarcar em um dos ônibus das 13 linhas que integrarão com o metrô, terão acesso gratuito aos vagões do sistema. Enquanto isso quem for acessar as estações de metrô a pé, terão de desembolsar o valor da tarifa de ônibus vigente para ter acesso ao sistema.

A Linha 1 do Metrô de Salvador parte da Estação da Lapa tem como destino a Estação Pirajá e realiza paradas por estações espalhadas pelo seu trajeto como as localizadas no Campo da Pólvora, Brotas, Bonocô, Acesso Norte, Retiro e Bom Juá. O trajeto entre as Estações Bom Juá e Pirajá está ocorrendo em caráter experimental, funcionando das 11 as 14horas de segunda a sexta; no sábado o seu funcionamento ocorre das 8 as 14horas. As outras estações do serviço funcionam das 06 as 22horas.

Com a ESTAÇÃO RETIRO, integrarão as linhas: 0322 Marechal Rondon / Lapa, 0305 Bom Juá / Lapa e 0301 Alto do Peru / Barroquinha do sistema de transporte coletivo de Salvador. Lá estarão presentes também 3 linhas da região metropolitana com partida de localidades do município de Simões Filho e de Areia Branca em Lauro de Freitas.

Na ESTAÇÃO ACESSO NORTE, integrarão as linhas 0919 Vale dos Rios – STIEP / Lapa, 1108 Resgate / Lapa e 1113 Pernambués / Lapa.

Na ESTAÇÃO DA LAPA, esta integração direta ocorrerá com as linhas 0137 (LB1) Lapa / Chame-Chame, 0138 (LB2) Lapa / Barra – Avenida e 0139 (LB3) Lapa / Garibaldi – Ondina.

Linhas e Roteiros

Linhas e Roteiros: 1230 Sussuarana / Barra R1

IMG_4427u

Com uma frota de 16 ônibus a linha 1230 Sussuarana / Barra R1, foi a primeira contemplada pelos 120 novos ônibus adquiridos pela OT Trans. Historicamente operada pela Vitral, a linha passou para o comando da OT Trans com a licitação e tem roteiro oposto a semelhante linha 1231 Sussuarana / Barra R2.

Em frente ao Shopping Barra a 1230 inicia seu roteiro de retorno a Sussuarana via Orla, Itaigara e Shopping da Bahia.
Em frente ao Shopping Barra a 1230 inicia seu roteiro de retorno a Sussuarana via Orla, Itaigara e Shopping da Bahia.

Seu roteiro se inicia no final de linha da Sussuarana Velha, passa por todo o bairro até pegar parte do Centro Administrativo, de onde acessa a Avenida Paralela para chegar a Estação de Transbordo do Iguatemi, segue para a Heitor Dias, Dois Leões e Sete Portas para pegar o Túnel Américo Simas que dá acesso ao Comércio para chegar ao Campo Grande passando pela Ladeira da Montanha, Rua Carlos Gomes e Teatro Vila Velha, do Campo Grande desce para o bairro da Barra utilizando o Vale do Canela e a Avenida Centenário. A partir do Shopping Barra inicia seu roteiro de retorno que sobe a Orla passando pela Avenida Oceanica, Ondina, Rio Vermelho, Amaralina e Pituba, daí pela Avenida ACM passa pelo Shopping da Bahia, Avenida Tancredo Neves, Salvador Shopping/Hospital Saara para pegar a Avenida Paralela de onde segue até o viaduto do CAB, passa por parte do Centro Administrativo para acessar o bairro da Sussuarana.

IMG_4428u

A linha tem uma demanda considerada muito alta com frequência média de 10 a 15 minutos nos horários de pico e de 12 a 20 minutos nos outros horários. A linha conta com dois reforços em seu roteiro da 1230-01 que utiliza o mesmo roteiro com a diferença de entrar no bairro de Novo Horizonte e da 1231-05 que reforça parte do seu roteiro a partir do Quartel de Amaralina.

Notícias

Terceiro dia de adequação no sistema de ônibus muda a operadora de mais linhas

IMG_2797No terceiro dia de mudanças no sistema de transporte urbano em Salvador, novas linhas foram contempladas com a substituição de operadoras. Na bacia A, a Plataforma Transportes (Axé) assumiu duas linhas uma no bairro de Boa Vista do São Caetano e outra no bairro do São Caetano. Na bacia B, o destaque foi o inicio das operações da OT Trans (Modelo / São Cristóvão) no bairro do Castelo Branco e São Marcos. Na bacia C, Pau Miúdo passou a ter comando do Consorcio Salvador Norte (Central) e deverá dominar a região do Largo do Tamarineiro.

EM DESTAQUE:

Plataforma Transportes assume a linha 0334 SÃO CAETANO / BARRA

Operada pela Transol/OT Trans até o dia 19/4, a 0334 São Caetano / Barra, tem 9 ônibus fixos e uma versão filha a 0334-01 São Caetano / Garibaldi (Até Hospital Jorge Valente), agora é operada Axé/Plataforma Transportes. Com roteiro que se diferencia de outras linhas para Barra, passantes pelo bairro, a 0334 é a única a passar pela Avenida San Martin e engloba em sua operação as avenidas Bonocô, Ogunjá, Vasco da Gama, Garibaldi, Adhemar de Barros e Oceânica.

OT Trans assume linhas do bairro de Castelo Branco

Todas as linhas que eram operadas pela Axé Transportes Urbanos no bairro de Castelo Branco, passaram para as operações da OT Trans (São Cristóvão/Modelo/ExpressoVitória) hoje 20/4. Destaque para a 1303 Castelo Branco / Campo Grande, linha que tem 9 ônibus fixos liga o bairro do Castelo Branco ao Campo Grande passando pelo bairro do São Caetano, Calçada e Comércio.

OT Trans no bairro de Doron

Apesar de ainda não ter assumido ainda a totalidade das operações das linhas no bairro, a OT Trans (União), já se encontra no comando das linhas 1125 Doron / Barra R1, 1126 Doron / Barra R2 e 1127 Doron – Pernambués / Ribeira. Em destaque a 1126 Doron / Barra R2, linha que era operada pela Empresa de Transportes Joevanza inclui em seu roteiro a Avenida Magalhães Neto, Avenida Manoel Dias da Silva e Amaralina na ida.

PROCESSO DEVE SER FINALIZADO AMANHÃ

O processo de permuta de linhas para as suas respectivas empresas, deverá ser concluído no dia de amanhã (21/4). A adequação esta prevista em edital de licitação, da qual se sairam vencedoras Plataforma Transportes, OT Trans e Consorcio Salvador Norte, prevê a adequação dos ônibus ao que foi exigido no pleito e a adequação de suas frotas as suas respectivas bacias.

Notícias

Primeiro dia de adequação das linhas em seus consórcios trouxe novidades

Iniciou-se hoje (18/4), a fase final de transição do sistema de transporte coletivo urbano de Salvador, atualmente operado por 16 empresas, para a o sistema a ser operado por 3 empresas/consorcio (Salvador Norte, OT Trans e Plataforma). Neste momento as linhas se acomodam na operação de suas novas empresas de maneira progressiva e arrumação deverá ser concluída na terça-feira (21/4).

IMG_2634

A OT TRANS (Ótima Salvador Transportes), assumiu hoje as operações das linhas 1139 Resgate / Pituba, 1340 Estação Pirajá / Barra 1, H047 Lapa / Dom Avelar – Vila Canária, 1120 São Gonçalo / Lapa – Campo Grande, 1346 Estação Pirajá / Itapuã e 1401 Águas Claras / São Joaquim. Utilizando-se de ônibus já adequados ao novo padrão do sistema e os veículos que serão adequados ao longo de um ano.

IMG_2515

A Plataforma Transportes, assumiu hoje as operações das linhas 0222 Rua Direta / Fazenda Garcia, 1395 Estação Pirajá / Valéria R2 e 1619 São João do Cabrito / Lapa. Nessas linhas utilizando apenas os ônibus que serão adequados as novas regras do sistema, ao longo de um ano.

IMG_2758

O Consorcio Salvador Norte, assumiu hoje as operações das linhas 0506 Cosme de Farias / Barra, 0517 Luís Anselmo / Lapa, 0508 Cosme de Farias / Lapa e 0114 Santo Antônio / Barbalho – Campo da Pólvora – Circular. Nessas linhas apenas ônibus que ainda serão adequados ao novo padrão, ao longo de um ano, foram estalados nelas.

Embarcamos em uma dessas linhas:

1340 ESTAÇÃO PIRAJÁ / BARRA 1

IMG_2719

Linha que já foi operada pelas empresas São Pedro, Barramar e Boa Viagem em pool com a União, a 1340, começou hoje a ser operada integralmente pelo consorcio OT TRANS. Em uma metade da operação os coletivos que pertenciam a Empresas de Transportes União, uma das formadoras da OT, na outra metade que era operada pela Boa Viagem Transportes (Plataforma), assumiram os coletivos que pertenciam a Coletivos São Cristóvão já adequados ao novo padrão do sistema. A linha circular tem partida da Estação Pirajá em sua ida passa pelo Retiro, Barros Reis, Rótula do Abacaxi, Dois Leões, Sete Portas, Aquidabã, Túnel Américo Simas, Terminal da França, Comércio, Ladeira da Motanha, Rua Carlos Gomes, Campo Grande, Canela, parte da Graça, Hospital Português, Porto da Barra e Barra, no retorno ao seu ponto de partida sobe a Ondina, Rio Vermelho, Amaralina, Pituba (Orla), Costa Azul, Hospital Saara, faz o retorno no viaduto da Avenida Luís Eduardo Magalhães, passa pela Grande Bahia, Madereira Brotas e faz uma parada na Rodoviária de onde parte para o Acesso Norte e sobe BR324 até o terminal de origem. Até o dia 21/4 é previsto que a OT Trans assuma as linhas Barra 2 e Barra 3 que tem como partida o mesmo terminal.

ATENÇÃO

IMG_2509Outras linhas devem mudar de operadora neste domingo dia 19/04, a maior atenção do passageiro deve estar nas informações escritas nos itinerários eletrônicos ou tabuletas de linhas, nesta fase de transição nem todos os ônibus estarão nas cores da área a operada.

Notícias

Sábado começa o remanejo de linhas conforme as bacias

IMG_0545

No próximo sábado (18/4), começa o processo de remanejo de linhas, de acordo com as bacias definidas pela licitação. Nesse primeiro momento as linhas terão suas operadoras substituídas, pelas vencedoras da licitação e não terão roteiros modificados. Os ônibus amarelos identificam os coletivos operantes no subúrbio, os ônibus verdes identificam os coletivos operantes no miolo incluindo Cajazeiras e Cabula, os azuis identificam os coletivos operantes na Orla e Centro de Salvador.

As atuais empresas Axé, Boa Viagem, Joevanza e Praia Grande serão substituídas pela Plataforma Transportes, as empresas BTU, Central, Ondina, Rio Vermelho e Verdemar serão substituídas pelo Consorcio Salvador Norte e as empresas Expresso Vitória, Modelo, São Cristóvão, União, Transol e Vitral serão substituídas pela OT Trans. Isso ocorrerá por conta da entrada em vigor do contrato assinado entre as novas empresas e prefeitura, que começará valer a partir do dia 22/04/15, tendo duração de 25 anos.

IMG_2445

Os veículos que pertencem as atuais operadoras e que serão absorvidos pelas novas empresas consorcio deverão estar todos adequados aos novos padrões até o dia 22/04/16. A adequação inclui a colocação da catraca e posto do cobrador para a frente do veículo e a padronização visual do coletivo de acordo com sua área de atuação.

TROCA DE LINHAS

A partir da madrugada de sexta para sábado, inicia-se o processo de troca das operadoras para as suas áreas definidas pelo edital. O processo é progressivo incluirá no primeiro dia 42 linhas, no domingo o procedimento atinge 47 linhas e na segunda-feira o processo atinge outras 71 linhas, totalizando o remanejo de 743 ônibus. Veja quais linhas serão trocadas a partir deste sábado:

linhas bacias