Especial

4 ANOS SEM BARRAMAR: A história da empresa que marcou o transporte coletivo de Salvador

A história do grupo sergipano Bonfim no Sistema de Transporte Coletivo por Ônibus de Salvador foi iniciada no ano de 1994, quando a Prefeitura da capital baiana licitou as linhas da então recém inaugurada Estação Pirajá.

A concorrência foi montada no período em que as empresas que se encontravam no sistema não acreditavam no modelo de transbordo aplicado na Estação Pirajá. A Viação São Pedro se destacou em meio as concorrentes e conquistou o contrato de operação das linhas do terminal.

IMG_0449

A partir daí começou a ser implantada em Salvador uma das mais lembradas empresas operadoras do sistema soteropolitano. A Viação São Pedro chegou a cidade implantando novos padrões operacionais, sendo pioneira em muitas ações hoje comuns a todas as empresas, como a questão do fardamento dos seus funcionários. Os primeiros veículos trazidos eram novos ou remanejados de sua matriz sergipana.

IMG_2091

A viação cresceu bastante até que em 1997 passou por uma cisão parcial, que criou a Viação Senhor do Bonfim, mais conhecida como Barramar. O nome foi escolhido para homenagear uma das maiores paixões do soteropolitano, que é a praia da Barra e suas águas famosas por todo o mundo.

Enquanto a Barramar funcionava em uma garagem no bairro do Retiro, a empresa mãe, São Pedro, mantinha uma grande estrutura no bairro de Pirajá. A operação conjunta das duas empresas durou até o ano de 2004, quando a Viação São Pedro foi absorvida completamente pela Barramar.

Assim a Barramar tornou-se uma das maiores operadoras com forte atuação na Estação Pirajá e linhas em quase todas as áreas de Salvador.

PIONEIRISMO

Este slideshow necessita de JavaScript.

A palavra pioneirismo sempre esteve atrelado aos trabalhos desenvolvidos pela Viação Barramar. A empresa foi a primeira da cidade a monitorar toda a sua frota através de GPS, a disponibilizar informações sobre a chegada dos veículos através da plataforma web BUS-U e implantar wifi em seus veículos. A empresa foi a primeira a adquirir ônibus com chassi trucado, com maior capacidade de passageiros, a implantar novos produtos do mercado de transporte, como ônibus com carrocerias Mascarello e Neobus e os chassi Iveco e Volvo.

 

AR CONDICIONADO

A Viação São Pedro ao assumir a linha 1006 Itapuã / São Joaquim resolveu elevar o padrão de operação da linha. Para isso a empresa adquiriu 4 ônibus com motorização traseira equipados com ar-condicionado, oriundos da Viação Planeta. Os ônibus com carroceria Marcopolo Viale e chassi Mercedes-Benz OH1628 operaram nesta linha até que o dispositivo foi desativado. Esses veículos com a marca da Barramar operaram em linhas como 1313 Estação Pirajá / Lapa e 1501 Conjunto Pirajá 1 / Campo Grande – Barra.

IMPORTÂNCIA

Apenas na Estação Pirajá operavam mais de 120 ônibus da empresa, chegando a bater barreira de transportar mais de 1 milhão de passageiros por mês. Em todos os cantos da cidade já foi possível andar nos ônibus da viação, do subúrbio ferroviário a orla a Barramar se fez presente.

Tirando as linhas que partem da Estação Pirajá, as principais linhas da Barramar eram: 1514 Conjunto Pirajá 1 / Engenho Velho da Federação (Hoje com o código 1511 e é operada pela Plataforma Transportes), 1201 Tancredo Neves / Barra (Hoje com o código 1211 e é operada pela OT Trans) e 1431 Boca da Mata / Lapa – Barra (Hoje com o código 1413 e é operada pela OT Trans). Nesses roteiros os investimentos em renovação de frota eram constantes.

FROTA:

EVOLUÇÃO DE SUA MARCA

Logo antigoO logotipo com os salientes riscos embaixo do nome Barramar e na lateral dos carros era uma referência as águas.

 

logo newEm 2011 a empresa resolveu mudar radicalmente a maneira de se identificar com o seu passageiro, para isto investiu numa nova identidade visual e em um novo logotipo. As referencias do logotipo antigo continuaram e ganharam o farol da Barra para formar o conjunto. O novo logotipo ainda convive com o primeiro criado na sua inauguração.

ENCERRAMENTO

Muito foi especulado pela imprensa soteropolitana sobre o encerramento das operações da Barramar em 2014, até que o fechamento da empresa realmente aconteceu no dia 1 de junho de 2014.

Neste período o Brasil vivia a expectativa pelo início da Copa do Mundo, uma licitação das linhas promovida pelo prefeito ACM Neto estava prestes a ter os ganhadores divulgados e uma crise havia se instalado nas empresas do grupo Bonfim no estado de Sergipe.

A Barramar permanece viva na memória dos passageiros que utilizavam os seus serviços e especialmente dos operadores e funcionários.

Anúncios
Notícias

Ampliada e Reformada nova Estação Pirajá proporciona conforto para seus usuários

Terminal de Integração Ônibus/Matrô Pirajá Foto: Elói Corrêa/GOVBA
Terminal de Integração Ônibus/Metrô Pirajá
Foto: Elói Corrêa/GOVBA

O segundo maior terminal de ônibus de Salvador, a Estação Pirajá foi entregue completamente reformada, ampliada e integrada com o metrô, na manhã da quinta-feira de carnaval (04/02). O governador do estado Rui Costa e o presidente da CCR Metrô Bahia, Luís Valença participaram do evento inaugural.

Durante visita ao local, Rui Costa afirmou que está empenhado em promover a integração dos ônibus que chegam à estação Pirajá com o Metrô de Salvador. Na opinião do governador, o investimento realizado só faz sentido se houver a integração tão desejada pelos passageiros. “Hoje, estamos oficialmente fazendo a entrega deste terminal de Pirajá para a população, que vai funcionar integrado com a estação do metrô. Estamos negociando – o Governo do Estado, a CCR e as empresas de ônibus -, o acordo final”.

IMG_5838

Sob a administração do Governo do Estado desde 2014, o terminal recebeu investimentos na ordem de 22 milhões de reais, atende 130 mil passageiros/dia. O Terminal Pirajá atende principalmente às pessoas que moram nos bairros como Pirajá, Calabetão, Castelo Branco, Jardim Santo Inácio, Sete de Abril, Vila Canária, Dom Avelar, Águas Claras e Cajazeiras.

O presidente da CCR, Luís Valença, explicou que “no contrato de concessão firmado no final de 2013 existe a obrigação de, além construir as Linhas 1 e 2 [do Metrô], ampliar e reformar os terminais que já existiam”. Segundo ele, o terminal foi ampliado em 11 mil metros quadrados e teve todas as plataformas reformadas. “Hoje, contamos com 32 novas baias. Faziam parte da nossa obrigação, que está cumprida e entregue ao Governo da Bahia”.

Com informações da Secom/BA

Notícias

Integração com o metrô e nova tarifa ocorrerão no primeiro dia útil de 2016

IMG_3411

O primeiro dia útil de 2016 será marcado pelo reajuste da passagem de ônibus em 10%, elevando a tarifa para 3,30 e o início da operação comercial do metrô de Salvador. Com isto 10 linhas de ônibus da capital baiana e outras 3 da região metropolitana, terão seus roteiros modificados e passarão a alimentar o sistema metroviário da linha 1. O passageiro que embarcar em um dos ônibus das 13 linhas que integrarão com o metrô, terão acesso gratuito aos vagões do sistema. Enquanto isso quem for acessar as estações de metrô a pé, terão de desembolsar o valor da tarifa de ônibus vigente para ter acesso ao sistema.

A Linha 1 do Metrô de Salvador parte da Estação da Lapa tem como destino a Estação Pirajá e realiza paradas por estações espalhadas pelo seu trajeto como as localizadas no Campo da Pólvora, Brotas, Bonocô, Acesso Norte, Retiro e Bom Juá. O trajeto entre as Estações Bom Juá e Pirajá está ocorrendo em caráter experimental, funcionando das 11 as 14horas de segunda a sexta; no sábado o seu funcionamento ocorre das 8 as 14horas. As outras estações do serviço funcionam das 06 as 22horas.

Com a ESTAÇÃO RETIRO, integrarão as linhas: 0322 Marechal Rondon / Lapa, 0305 Bom Juá / Lapa e 0301 Alto do Peru / Barroquinha do sistema de transporte coletivo de Salvador. Lá estarão presentes também 3 linhas da região metropolitana com partida de localidades do município de Simões Filho e de Areia Branca em Lauro de Freitas.

Na ESTAÇÃO ACESSO NORTE, integrarão as linhas 0919 Vale dos Rios – STIEP / Lapa, 1108 Resgate / Lapa e 1113 Pernambués / Lapa.

Na ESTAÇÃO DA LAPA, esta integração direta ocorrerá com as linhas 0137 (LB1) Lapa / Chame-Chame, 0138 (LB2) Lapa / Barra – Avenida e 0139 (LB3) Lapa / Garibaldi – Ondina.

Linhas e Roteiros

Linhas e Roteiros: 1508 Pirajá / Pituba

157_5006

A LINHA

A principal ligação do populoso bairro de Pirajá com o centro financeiro de Salvador localizado na região da Avenida ACM, Caminho das Árvores, Avenida Tancredo Neves, Avenida Paulo VI e o bairro da Pituba é a linha 1508 Pirajá / Pituba, operada pela Plataforma Transportes, tem 9 ônibus fixos.

 

O ROTEIRO

Sentido Pituba…

Rua Velha, Rua Nova, Campinas de Pirajá, São Caetano, Largo do Tanque, Avenida San Martin, Retiro, Avenida Barros Reis, Viaduto da Rótula do Abacaxi, Avenida ACM, Centro Empresarial Iguatemi, Caminho das Arvores, Paulo VI e Praça Nossa Senhora da Luz na Pituba.

1508

Sentindo Pirajá…

Itaigara, Avenida ACM, Shopping Iguatemi, Avenida Tancredo Neves, Salvador Shopping, Estação Iguatemi, Viaduto da Rótula do Abacaxi, Barros Reis, Retiro, San Martin, Largo do Tanque, São Caetano e Campinas de Pirajá até chegar ao bairro de Pirajá passando primeiro pela Rua Nova.

 

PRINCIPAIS PONTOS

No sentido Pituba sua demanda se concentra nos bairros de Pirajá, São Caetano e Avenida San Martin com destino ao Detran, Shopping Iguatemi, Caminho das Arvores, Paulo VI e Itaigara. No retorno o maior movimento de passageiros se dá no inverso.

IMG_0629

TEMPO E HORÁRIOS

Com frequencia variante de 10 a 20 minutos nos horários de pico e de 20 a 35 minutos nos outros horários a linha é operada por 9 ônibus. Sua viagem ida sem problemas com trânsito pode ser realizado em 1h15 e volta 1h45.

 

VARIANTE VIA BR

Nos horários de pico são realizadas viagens expressas via BR324 partindo de Pirajá. O objetivo é levar os residentes em Pirajá de maneira mais rápida ao seu destino.

Notícias

Plataforma Transportes: Mais de 9 milhões de soterapolitanos serão atendidos pelo consórcio

10816094_10201799110339036_580032792_n

O consorcio que reuniu a Axé, Boa Viagem, Joevanza e Praia Grande na formação da Plataforma Transportes irá operar as linhas de ônibus da península Itapagipana, Subúrbio Ferroviário, São Caetano, Pirajá, Valéria e as localidades próximas ao bairro da Liberdade como Duque de Caxias, IAPI, Santa Mônica e Pero Vaz com uma frota operante de 814 ônibus (sem contabilizar a frota de apoio), atendendo uma população de mais de 9 milhões de soterapolitanos.

Segue a lista oficial das linhas que serão operadas pela Plataforma Transportes a partir de janeiro de 2015:

Bacia A linhas

*Algumas linhas expressas nesta linha já se encontram com novo código ou deixaram o serviço executivo.

Linhas e Roteiros

Linhas e Roteiros: 1507 Pirajá / Lapa

Axé 7726

A LINHA

Com partida do bairro de Pirajá, a linha 1507 leva os moradores da região as localidades de São Caetano, Calçada, Comercio e Estação da Lapa com um roteiro simples é operada atualmente pela empresa Axé Transportes Urbanos que a partir de janeiro passa para o Consorcio Plataforma.

O ROTEIRO

Com partida do bairro de Pirajá a linha passa pela Estrada de Campinas de Pirajá, São Caetano, Largo do Tanque, Baixa do Fiscal, Calçada, Água de Meninos, Feira de São Joaquim, Comercio, Túnel Americo Simas, Vale de Nazaré, Arena Fonte Nova, Dique do Tororó e Vale dos Barris para chegar a Estação da Lapa. No sentido volta a linha passa pelo Vale dos Barris, Politeama, Avenida Contorno, Elevador Lacerda, Comércio, Água de Meninos, Calçada, Rua Nilo Perçanha, Largo do Tanque, São Caetano e Estrada de Campinas de Pirajá para chegar ao seu ponto de origem Pirajá.

1507

TEMPO

Uma viagem completa ida e volta pode ser realizada de 1h30 a 3h00 com variações por conta das condições viárias adversas que costumam ocorrer especialmente na região da Calçada, Feira de São Joaquim e São Caetano. Com uma frota de 7 ônibus mantém uma frequência de 20 a 30 minutos nos horários de pico e de 25 a 40 minutos nos horários normais.

IMG_1610
Um dos pontos de maior concentração de passageiros da linha ocorre no bairro da Calçada no sentido Rua Nilo Perçanha na faixa das 16:45.

 

VERSÃO VIA BR324

Para dar maior agilidade e evitar congestionamentos na localidade do São Caetano, são disponibilizadas viagens expressas nos primeiros horários da manhã e nos últimos horários da tarde. Nelas os ônibus seguem pela BR324, Acesso Norte e Avenida Bonocô e voltam no roteiro da linha normal passando pelo São Caetano.

Você

Da Janela do Ônibus: Baía de Todos os Santos

Diariamente passamos por locais bonitos, com visual deslumbrante ou que remetam a algo especial e pouco damos importância para esses locais por conta da rotina.

O quadro da janela do ônibus, é uma ideia do Urbaianos para valorizar esses momentos.

Hoje as belezas do por do sol na Baía de Todos os Santos, vista da janela de um ônibus da empresa Axé na linha 1505 Pirajá / Barra, passando pela Avenida Contorno.

Arquivo

Arquivo: Viação São Pedro chegou em Salvador em 1994

A empresa veio para Salvador especialmente para operar as linhas da então recém inaugurada Estação Pirajá em 1994.
A empresa veio para Salvador especialmente para operar as linhas da então recém inaugurada Estação Pirajá em 1994.

A Viação São Pedro começou suas atividades na cidade de Salvador em 15 de maio de 1994, depois de ter saído vencedora da licitação que a escolheu a empresa que operaria as linhas da então mais nova estrutura de terminal de ônibus da cidade a Estação Pirajá.

Para começar seus trabalhos em Salvador muitos veículos foram trazidos de sua matriz de Aracaju, foram veículos de variadas configurações queaqui operaram até a chegada dos seus primeiros veículos novos entregues em 1995, foram eles: Caio Amélia S112 Articulado, Caio Vitória Mercedes OF-1318, Ciferal Alvorada Mercedes OF-1318, Ciferal Padron Rio Ford B1618 e Ciferal Padron Rio Mercedes LPO-1113.

Na imagem a recém inaugurada Estação Pirajá e um dos seus veículos mais novos iniciando viagem um Caio Vitória Ford B1618.

Atualmente toda a estrutura da São Pedro pertence a Viação Barramar.